Capa fisioterapia

No sentido amplo da palavra, a Fisioterapia é a ciência que estuda o movimento humano, utilizando recursos físicos no tratamento e na cura. O profissional estuda, diagnostica, previne e trata de todo e qualquer distúrbio da biomecânica e funcionalidade humana, seja ela de órgãos ou sistemas. Ele será capacitado para avaliar, prescrever e diagnosticar pacientes que possuam lesões ou disfunções, como também se utilizar de ações preventivas.

O fisioterapeuta pode ser autônomo ou atuar em consultórios, asilos, clínicas e centros de reabilitação, escolas, clubes, hospitais, unidades de saúde e empresas, sejam elas no setor privado ou público.

Segundo dados da Organização Mundial de Saúde (OMS), para um país de 160 milhões de habitantes é necessário um quadro de 160 mil profissionais. No entanto, aqui no Brasil, temos em torno de 40 mil profissionais registrados, sendo sua maioria concentrada na capital paulista. Hoje a carreira de fisioterapeuta é concorrida, principalmente no campo esportivo. Mas ela vai muito além disso. O profissional pode atuar na recuperação de pessoas acidentadas, portadoras de distúrbios neurológicos, respiratórios e até cardíacos.

Com a grande preocupação das empresas em relação a seus funcionários quanto à postura no ambiente do trabalho, o fisioterapeuta também se tornou um profissional da área de saúde preventiva, atuando em programas de re-educação postural com o intuito de prevenir, e, em alguns casos, até tratar de problemas musculares ou de coluna durante o expediente, proporcionando mais conforto e assim um melhor desempenho durante a execução do mesmo.